Ações educativas e blitz foram realizadas na cidade de Oriximiná ao longo do mês de agosto (Foto: Ascom ECAM/Divulgação)

A campanha EcoCírio iniciou com ações de sensibilização ambiental e a instalação de quatro pontos de coletas seletivas para plásticos e metal.

Ações educativas e blitz foram realizadas na cidade de Oriximiná ao longo do mês de agosto (Foto: Ascom ECAM/Divulgação) Ações educativas e blitz foram realizadas na cidade de Oriximiná ao longo do mês de agosto (Foto: Ascom ECAM/Divulgação)

Está sendo realizada em Oriximiná, no oeste do Pará, a campanha “Eco Círio, Semeando a Consciência Ambiental”, que tem como objetivo cuidar do meio ambiente e dar melhor qualidade de vida aos moradores e a todos aqueles que visitam o município.

A campanha é desenvolvida pela secretaria municipal de Meio Ambiente e Mineração de Oriximiná (Semma), Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente (Comdema), Fundo Municipal de Desenvolvimento Ambiental (Fmdema) com parceria da Equipe de Conservação da Amazônia (Ecam) e Programa Territórios Sustentáveis (PTS).

Desde o início de agosto, várias ações de sensibilização ambiental estão sendo realizadas junto à sociedade e pela primeira vez trazem para o debate a Recicla Orixi, uma Associação de Catadores de Resíduos Sólidos, que até 2017 atuava na informalidade dentro do município. Quatro pontos de coleta que foram instalados em Oriximiná.

Campanha distribuiu folhetos informativos e sacos para coleta de resíduos sólidos nas embarcações (Foto: Ascom Ecam/Divulgação)

Campanha distribuiu folhetos informativos e sacos para coleta de resíduos sólidos nas embarcações (Foto: Ascom Ecam/Divulgação)

Na abertura da campanha foram realizadas blitze educativas nas principais ruas de Oriximiná e em embarcações localizadas na orla da cidade, além de doações de mudas, piquenique ambiental com crianças de escolas públicas, patrulha com a guarda mirim ambiental, oficina de produção de puffs feitos a partir de garrafa pet e a produção das tradicionais barquinhas de Santo Antônio, aquelas velas que durante o círio fluvial noturno iluminam o Rio Trombetas. Este ano, parte das barquinhas foi produzida com material ecologicamente correto, usando aninga e velas de óleo de cozinha.

Segundo o secretário de Meio Ambiente e Mineração, Ronaldison Farias, a campanha foi pensada com enfoque central na questão dos resíduos sólidos, buscando a sensibilização da população para a importância da coleta seletiva e destinação adequada de materiais que possam ser reciclados.

“O projeto busca trabalhar junto a população a sensibilização dos resíduos que são produzidos todo os dias, e dessa forma realizar a reciclagem garantindo emprego e renda às famílias, mas para isso a população tem um papel fundamental que é o do descarte correto dos resíduos”, enfatizou o secretário.

Pontos de coleta de resíduos sólidos foram espalhados na cidade pela campanha EcoCírio (Foto: Ascom ECAM/Divulgação)

Pontos de coleta de resíduos sólidos foram espalhados na cidade pela campanha EcoCírio (Foto: Ascom ECAM/Divulgação)

O coordenador da Ecam, Edwilson Pordeus, ressaltou que a preocupação com as questões ambientais é global e que o descarte inadequado dos resíduos teve ser combatido por todos. “Nós estamos apoiando essa iniciativa por acreditar que ela promoverá o fortalecimento da consciência ambiental com as ações de educação ambiental e a geração de renda com a instalação de pontos de entregas voluntárias de resíduos sólidos metálicos e plásticos distribuídos estrategicamente na cidade, que além de dar uma destinação correta aos resíduos também promoverá a geração de renda para os trabalhadores da Recicla Orixi”.

Fonte: G1 Santarém, PA 23/08/2018.